Preso mais um suspeito de arrastão no qual morreu jovem de 17 anos, no Rio

Preso mais um suspeito de arrastão no qual morreu jovem de 17 anos, no Rio

Mais um suspeito de envolvimento com o arrastão que resultou na morte da estudante Ana Beatriz Frade, de 17 anos, foi preso no Rio, na manhã desta quarta-feira. Jefferson de Paiva Campos da Cruz, de 23 anos, estava em casa, na comunidade Fernão Cardim, em Del Castilho, na Zona Norte da cidade, quando foi localizado por agentes da Divisão de Homicídios (DH). De acordo com as investigações, Jefferson seria o encarregado de dirigir os carros roubados.

No domingo, outros três envolvidos com o crime foram detidos por policiais da 44ª DP (Inhaúma). Douglas Paiva Santos Ventura da Silva, de 18 anos, confessou aos agentes da DH ter dado o tiro que matou a jovem. Além dele, foram apreendidos dois menores de 17 anos. A prisão de Douglas foi decretada pela Justiça na segunda-feira. A DH, em seguida, identificou Jefferson que também teve a prisão temporária decretada. As investigações continuam.


Ana Beatriz foi morta com um tiro, no início da manhã do último sábado, quando passava de carro com seu padrasto por um dos acessos à Linha Amarela, altua de Del Castilho. Ela estava a caminho do aeroporto, para fazer uma surpresa para a mãe. O padrasto teria tentado furar o bloqueio feito por bandidos.

Deixe seu Comentário