Prêmio Jabuti: Professor da Unipar desbanca escritores de todo o Brasil e conquista prêmio mais importante da literatura brasileira

Prêmio Jabuti: Professor da Unipar desbanca escritores de todo o Brasil e conquista prêmio mais importante da literatura brasileira


Criando em 1959 pela Câmara Brasileira do Livro, neste ano o premio passou por uma alteração em seu formato e das 29 categorias restaram apenas 18 distribuídas em quatro eixos.

Além disso, também foi alterado a categoria "Livro do Ano" (que até então premiava dois livros, um de ficção e um de não ficção), passando a premiar apenas um, independente do gênero, o que significada que ficou mais difícil e competitivo.

Mas toda essa dificuldade não foi percalço para que o professor doutor da Unipar (Universidade Paranaense) ganhasse o prêmio.

Junto com o Jabuti o doutor Adalberto Ramón Valderrama Gerbasi, também conquistou o troféu de 3º lugar da Associação Brasileira de Editoras Universitárias.

Com o livro ‘As maravilhosas utilidades da geometria da pré-história à era espacial’, o professor desbancou escritores de todo o país e após ter ficado entre os dez finalistas foi clamado como vencedor.

A entrega aconteceu no dia 8 de novembro em São Paulo quando ele recebeu o troféu e a premiação das mãos do jornalista, escritor e apresentador de televisão, Serginho Groisman.

Nesta quinta-feira (06) acompanhado de sua esposa, a também professora e advogada Sandra Regina Valderrama, o doutor Adalberto contou um pouco sobre a obra que tem 215 páginas e que nasceu a partir de uma pergunta a um professor ainda no colegial.

Segundo ele o prêmio é motivo de muito orgulho não só para ele, mas para Umuarama e para o Estado do Paraná.
O professor doutor Adalberto Ramón Valderrama Gerbasi é doutor em ‘Inovação Educativa’ pela Universidade Federal da Bahia.

Especialista em Estatística Aplicada, entrou na Instituição em 1990. Atualmente, com 66 anos, mantém disposição para 18 horas semanais em sala de aula e outras 18 horas semanais para orientação de estágio, nos cursos de Sistemas de Informação, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica, Medicina, Química Industrial e Matemática (presencial e a distância), fora as horas que dedica à pesquisa científica.

Venezuelano, radicado no Brasil e morando no país a mais de 30 anos, construiu carreira e família em Umuarama e não pensa em deixar o Brasil.
Entre os vencedores do prêmio Jabuti estão nomes como Dalton Trevisan, Clarice Lispector, Caio de Abreu, Jorge Amado, Nelson Rodrigues, Luiz Fernando Veríssimo entre outras dezenas de escritores e feras da literatura brasileira.

Deixe seu Comentário