Alunos do IFPR de Umuarama protestam contra corte de verbas no Ensino Superior

Alunos do IFPR de Umuarama protestam contra corte de verbas no Ensino Superior


Acadêmicos do Instituto Federal do Paraná (IFPR), Campus de Umuarama realizam nesta quarta-feira (15) mobilização em defesa da educação pública brasileira. O ato tem objetivo de evidenciar o posicionamento contrário dos estudantes ao corte de 30% nas verbas para as universidades federais anunciado nas últimas semanas pelo Ministério da Educação (MEC).

Além de uma passeata eles também farão a exposição pública de trabalhos científicos produzidos no Instituto. O ato, que acontece em todo o Brasil, está centrada na Praça Arthur Thomas e teve início com uma caminhada pela Avenida Paraná.

Segundo o MEC o corte dos recursos é necessário para que o governo possa investir mais na educação básica, informação que é rebatida pelo deputado federal de oposição Zeca Dirceu (PT).

Em entrevista ao Bianca News nesta terça-feira (14) o deputado afirmou que a educação básica também sofreu cortes. Questionado sobre porque o PT não resolveu o problema nos anos em que foi governo afirmou que houveram avanços importantes e que não acredita que tirar recursos de um lugar para colocar em outro vai resolver o problema.

Zeca Dirceu faz parte da Comissão de Educação da Câmara, que nesta quarta-feira se reúne com o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Manifestação

O ‘Ato Unificado em Defesa da Educação’ acontecerá será marcado por passeata e exposições de trabalhos científicos produzidos pelos alunos.

Segundo o IFPR a sensibilização da opinião pública é essencial para a promoção de uma articulação ampla em prol da educação pública e gratuita, assim como para a reversão do bloqueio de 30% do orçamento das instituições federais de ensino. No IFPR, o bloqueio significa um impacto de R$ 20 milhões de reais, o que, em média, corresponde a 36% do orçamento discricionário, em ações como capacitação e funcionamento (custeio, investimento e expansão).

A campanha do IFPR se soma a realizada por outras instituições públicas de ensino, reforçando o compromisso com a qualidade e eficiência no atendimento às demandas da sociedade. Mais do que nunca é preciso conhecer o IFPR para defendê-lo.

Estrutura

O IFPR possui 25 campi e um centro de referência e atende 30.228 estudantes, sendo 21.396 em cursos técnicos, 6.251 em graduação, 825 em pós-graduação e 1.756 em cursos de formação inicial e continuada (FIC).

O Instituto Federal do Paraná é parte da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, que contempla 41 instituições e quase um milhão de alunos espalhados pelo país. O campi de Umuarama é um dos maiores do Estado com 1192 alunos. Além de Umuarama, no Noroeste, o IFPR também possui uma estrutura em Goioerê, onde também há um número considerável de alunos.

Deixe seu Comentário