Prefeitura consulta e comunidade dá aval: tráfego não cortará Praça do Japão

Prefeitura consulta e comunidade dá aval: tráfego não cortará Praça do Japão

O prefeito Celso Pozzobom teve uma reunião aberta com a comunidade japonesa de Umuarama e moradores das imediações da praça Juscelino Kubitschek, mais conhecida como Praça do Japão, na manhã deste sábado (15).

Em discussão, o futuro do logradouro. O controverso projeto não encontrou eco na comunidade e a passagem de carros no trecho que corta a praça será mesmo bloqueada. A Umutrans, inclusive, já remanejou o semáforo instalado para o cruzamento das avenidas Rio de Janeiro com Apucarana para outro ponto da cidade. O espaço será destinado para utilização da comunidade.

"Tivemos o aval de todas as pessoas que aqui compareceram. A via não será utilizada. Também serão removidas três das cinco lombadas hoje existentes no entorno da praça", explica Pozzobom.

O estacionamento longitudinal também deve ser retirado. "Com carros parados dos dois lados (em volta da praça e na frente das casas) sobrou apenas uma faixa de passagem para os veículos, o que tem tumultuado o trânsito, em vez de melhorar", declarou.

Deixe seu Comentário